Condromalácia patelar

É uma doença muito comum em pessoas que realizam atividades de alto impacto, dança e corrida e em mulheres que apresentam acentuada alteração postural.

Ela consiste em um amolecimento da cartilagem retro-patelar e, quando não tratado, pode evoluir para um desgaste articular e uma artrose.

Não há uma causa específica, mas qualquer alteração postural e biomecânica ou atividades em excesso com impacto podem provocar sobrecarga na articulação femoropatelar e um consequente amolecimento desta cartilagem.  Entre as mais comuns alterações postural e biomecânica incluem joelho valgo, pé hiperpronado, patela superiorizada. fraqueza de glúteo médio , encurtamento do musculo tensor da fascia lata entre outros.

A dor pode ser referida na região anterior do joelho, principalmente em atividades que exigem flexão e extensão repetitiva, como subir e descer escadas. Também pode ocorrer dor em usos prolongados de salto alto ou em longos períodos sentados.

O diagnóstico é feito por um médico e o tratamento exige um trabalho em conjunto com um fisioterapeuta. Na fisioterapia, inicialmente é realizado técnicas próprias para redução da dor e , em seguida, é iniciado uma série de exercícios de acordo com a necessidade e avaliação de cada paciente. Após 1 ou 2 meses, o paciente é capaz de perceber uma melhora significante no quadro clínico.

Procure um fisioterapeuta e faça uma avaliação postural e biomecânica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VISITE NOSSAS REDES SOCIAIS!!!